Triunfo suspende aulas presenciais; Após aumento da Covid-19

A Secretaria de Educação de Triunfo, divulgou em suas redes sociais nesta quarta-feira (29), que as aulas presenciais de toda a rede municipal de ensino estão suspensas durante está última semana de junho.

Segundo o comunicado, a decisão foi tomada tendo em vista o grande número de servidores das unidades escolares que testaram positivo para o Covid-19, outros que apresentam sintomas gripais juntamente com muitos estudantes.

As aulas serão ofertadas de forma online utilizando dos canais de comunicação disponibilizados nas unidades escolares. A Secretaria espera que na próxima semana os casos diminuam e possamos retomar as atividades normalmente”, afirma o comunicado.

As informações são de Nayn Neto.

Delegacia da Mulher de Salgueiro será inaugurada amanhã

Criada por lei em 2008, a Delegacia da Mulher de Salgueiro vai ser inaugurada depois de 14 anos de sua instituição. A Unidade especializada na proteção da mulher abrirá as portas nessa quinta-feira (30), na Rua Antônio Filgueira Sampaio, n° 93, no bairro Nossa Senhora das Graças, próximo a FACHUSC.

Nos municípios que não dispõem de delegacia especializada, a população pode procurar qualquer outra delegacia de plantão para prestar queixa de crimes contra as mulheres. Para fazer denúncias ou obter informações sobre a rede de proteção estadual à mulher, Pernambuco oferece o serviço gratuito da Ouvidoria Estadual da Mulher, por meio do telefone 0800-281-8187. Em situação de emergência policial, a orientação é ligar para o 190.

Pernambuco lança cartilha sobre os direitos da população LGBTQIA+

Foi lançada ontem, terça-feira (28), Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+, a cartilha “Direitos da População LGBTQIA+ em Pernambuco”, por meio da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ). O objetivo da publicação, feita em parceria com o Conselho Estadual dos Direitos da População LGBT (CEDPLGBT), é estimular o diálogo com a sociedade sobre a importância do respeito à diversidade e de assegurar políticas públicas para os integrantes desse segmento. O evento compõe a programação do Mês do Orgulho LGBTQIA+, que tem promovido oficinas e intervenções culturais em todo o Estado.

A cartilha, que contou com apoio gráfico da Companhia Editora de Pernambuco (Cepe), aborda conteúdos como o direito ao nome social, o significado de cada letra da sigla LGBTQIA+, principais marcos legais do movimento, a tipificação criminal da LGBTQIA+fobia e canais para denúncias. A ideia é que o material seja distribuído em órgãos públicos, equipamentos de assistência social e outros espaços de atendimento ao público.

“A intolerância cresceu absurdamente em nosso país. É por isso que iniciativas como esta são importantes para oferecer orientação a pessoas que têm preconceito e desinformação sobre direitos e garantias da população LGBTQIA+. Aqui temos as portas abertas para construir o que é melhor para o desenvolvimento do povo pernambucano”, disse o secretário de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude de Pernambuco, Edilazio Wanderley.

As informações são do Folha PE.

Pernambuco confirma primeira morte por chikungunya no Estado em 2022

Pernambuco confirmou a primeira morte por chikungunya no Estado este ano. A informação foi divulgada no mais recente Informe Epidemiológico de Arboviroses, que possui dados das semanas epidemiológicas de 1 a 23, que corresponde ao período de (2) de janeiro a (11) de junho.

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), a vítima é uma idosa de 86 anos, que residia no município de Petrolina, no Sertão. A morte ocorreu no último dia (6) de abril.

Esta é a segunda morte por arbovirose registrada em Pernambuco este ano. A primeira foi por dengue e ocorreu no município de Quipapá, na Zona da Mata Sul.

Segundo o levantamento, de janeiro a junho deste ano, 22.049 casos suspeitos de chikungunya foram notificados no Estado. Do total, 4.644 casos foram confirmados para a doença, que tem atingido com maior incidência, segundo a SES, mulheres com idades entre 40 e 49 anos.

As informações são do Folha PE.

Programa Chapéu de Palha cadastra trabalhadores da pesca artesanal no Sertão de PE

A partir desta terça-feira (28) começa o cadastramento dos trabalhadores da pesca artesanal do programa Chapéu de Palha em 32 municípios pernambucanos. No Sertão do estado, estão sendo contempladas as cidades de Petrolina, Araripina, Belém do São Francisco, Cabrobó, Lagoa Grande, Parnamirim e Santa Maria da Boa Vista.

As inscrições vão até 1º de julho, das 8h às 17h, nas colônias e associações de pescadores de cada município. Para efetuar o cadastro, é preciso ser maior de 18 anos e apresentar os seguintes documentos: RG, CPF, comprovante do pis/número de identificação social- nis (cartão cidadão ou extrato de benefícios emitido pela caixa econômica federal); carteira de trabalho e previdência social – CTPS ou carteira digital de trabalho; comprovante de residência.

Também é necessário apresentar um dos documentos para comprovação da atividade pesqueira: rgp novo digital impresso; carteira de rgp antiga; protocolo de manutenção da atividade pesqueira expedido/ validado anualmente pela sfa/mapa ou protocolo físico de solicitação de registro inicial para licença de pescador.

O programa Chapéu de Palha oferece apoio aos pescadores artesanais no período de defeso e aos trabalhadores rurais no período da entressafra, mediante ao pagamento de um benefício. Em 2021, o programa beneficiou 41.487 trabalhadores. Dos quais 31.058 são do segmento da cana-de-açúcar, 6.092 da fruticultura irrigada e 4.337 da pesca artesanal.

As informações são do G1 Petrolina.