Salgueiro: moradores reclamam de matagal e poluição no Açude Velho

Um dos cartões postais de Salgueiro, o Açude Velho é hoje motivo de preocupação e reclamação de moradores.

Poluído e com muito mato, ele tem levantado questionamentos e gerado reclamações por quem transita às margens do açude, localizado nas proximidades dos bairros Divino Espírito Santo e Granja Aurora.

Com o aumento do matagal no local que já é naturalmente poluído por esgotos e lixos domésticos, os moradores que residem próximo ao Açude Velho têm sentido na pele às consequências do abandono e ausência de serviços públicos. A situação é tão grave que há muito tempo não é possível ver água, apenas mato em todo trajeto do açude (Veja as imagens abaixo).

A falta de limpeza tem trazido danos para o homem e para o meio ambiente, com o mau cheiro, aumento de doenças, desequilíbrio ambiental e morte de peixes devido a falta de oxigênio na água provocada por excesso de matéria orgânica no reservatório.

A população pede, mais uma vez, atitude das autoridades locais no sentido de fazer a retirada dessa vegetação, minimizando os danos a população e ao meio ambiente.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *