Parecer do Ministério Público Eleitoral opina pela não cassação de dois vereadores salgueirenses

Segundo Parecer do Ministério Público Eleitoral, os vereadores salgueirenses Henrique Sampaio e Flavinho Barros, não utilizaram de candidatura laranja para fraudar cotas de gênero nas eleições municipais de 2020.

Os parlamentares tiveram mandatos cassados em 1ª instância sob acusação de fraude na coligação do PSD referente à cota de gênero e através de recursos apresentados ao Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) conseguiram um parecer favorável nessa quinta-feira (27). O Ministério Público Eleitoral opinou pelo provimento da apelação para que a ação seja julgada improcedente, afastando as sanções da sentença.

A candidata obteve 7 votos nas urnas e segundo a promotoria, a insignificância do número de votos não implica, por si só, reconhecimento de ocorrência de fraude. O parecer entende que a candidata fez campanha, realizou publicações sobre sua candidatura em redes sociais, participou de “live” e que foram confeccionados, em seu nome,  materiais de campanha, como os santinhos.

“Esses elementos não podem ser descartados como mera simulação apenas porque a candidata teria iniciado tarde sua campanha, supostamente por ter sido considerada suspeita sua candidatura. Cabe ao candidato escolher o momento ideal para iniciar de fato a campanha, revelando-se incabível inferir, diante de todo o material juntado como prova, que aquela só tem início para os fins de mascarar o caráter fictício da candidatura. Por essas razões, a sentença merece reforma, para que a ação seja julgada improcedente”, concluiu o parecer.

Câmara de Vereadores aciona judiciário para obter informações da Prefeitura de Salgueiro e tem decisão favorável

A falta de retorno da Prefeitura de Salgueiro aos requerimentos e ofícios da Câmara de Vereadores resultou em um Mandado de Segurança impetrado pelo Legislativo pedindo que o Poder Executivo forneça todos os documentos solicitados ao longo do ano de 2021. Vários parlamentares cobraram esclarecimentos do Executivo, em pronunciamentos na Câmara Municipal, sobre a falta de atenção devida aos documentos que visam fiscalizar e tornar transparentes os atos do governo.

“Inertes a respeito de ofícios que foram dirigidos pela Câmara de Vereadores, no uso de suas atribuições como órgão fiscalizador, solicitando informações de determinadas questões de caráter urgente e ,sobretudo, de extrema relevância, os que jamais foram respondidos”, disse a Casa no pedido de liminar judicializado.

Na última sexta-feira (21), o juiz da 2º Vara Cível da Comarca de Salgueiro, Dr. Neider Moreira, deferiu a liminar pleiteada, determinando que o prefeito de Salgueiro, três secretários municipais, uma pregoeira, um diretor da saúde e um da educação respondam adequadamente aos ofícios no prazo de 10 dias, sob pena de multa diária no valor de R$ 500, a qual deve ser paga pelos agentes que descumprirem a ordem.

Em reunião com Ministro da Infraestrutura, Gonzaga Patriota pede construção de viadutos em Salgueiro

O deputado federal Gonzaga Patriota (PSB) retomou sua agenda de compromissos em Brasília com uma audiência com ministro da Infraestrutura, pedindo importantes obras para Salgueiro.

Nesta terça-feira (25), o socialista se reuniu com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, para solicitar especial atenção para a construção de dois viadutos nas rodovias federais, BR 232, sobre a Avenida Major Antônio Rufino e, na BR 116, sobre a Avenida Getúlio Vargas, ambas no município de Salgueiro, bem como, um anel viário na BR 116, com acesso ao Residencial Santo Antônio “Dr. Chico Sampaio”, que atende mais de 5 mil pessoas.

Após 47 dias, Salgueiro volta a registrar óbito por Covid-19

Com um crescimento no número de casos de Covid-19 no município, Salgueiro tem chamado a atenção pela alta expressiva de infectados. De acordo com o boletim divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde, nesta terça-feira (25), dos 474 exames realizados, 121 foram confirmados para a doença. Ao todo, 1.627 pacientes estão com a doença ativa, em processo de recuperação.

Em meio ao aumento de casos da doença, o número de mortes e internações ocasionadas pela Covid-19 permaneciam estáveis. Porém, nesta terça-feira (25), Salgueiro voltou a confirmar morte de paciente pela Covid-19. Segundo o Blog do Alvinho, a vítima é Vanda Silva, 30 anos, residente no bairro Divino Espírito Santo e portadora de comorbidades. Ela já havia tomado duas doses de vacinas no ano passado e o reforço no dia 13 deste mês.

A paciente tinha testado positivo, mas seu quadro de saúde foi agravado por doenças preexistentes. Era portadora de lúpus, doença renal crônica (fazia tratamento de hemodiálise), pressão alta e problemas mentais.

Nesta quarta-feira (26), o boletim municipal será alterado, registrando a 127º morte.

Salgueiro inicia vacinação de crianças a partir de 10 anos sem comorbidades

Salgueiro iniciou a imunização contra a Covid-19 de crianças de 10 anos sem comorbidades. A vacinação segue orientação do Ministério da Saúde para a vacinação infantil. A partir desta terça-feira (25), crianças com 10 anos ou mais podem receber a primeira dose do imunizante.

A vacinação está sendo realizada no Centro de Vocação Tecnológico (CVT), das 8h30 às 12h e das 13h às 16h. Os pais ou responsáveis devem levar o cartão do SUS das crianças ou CPF.