Com antecipação da 2ª dose da Pfizer, Parnamirim prepara mutirão

Nesta terça-feira (14), a Secretaria de Saúde de Parnamirim realizará o Mutirão da Segunda Dose contra a Covid-19, na Quadra Carlos Cabral, centro da cidade. A ação visa imunizar as pessoas que receberam a primeira dose e já estão aptas a receber a segunda dose da Coronavac e da Pfizer.

O objetivo é acelerar o processo de imunização e conter a evolução de novos casos. “É importante ressaltar que essa antecipação é baseada em estudos e validada através de diretrizes da OMS, da bula formulada pela Anvisa e da nota técnica emitida pela Secretaria de Saúde de Pernambuco”, alertou o governo.

Colégio da UFRPE abre 2.400 vagas para cursos gratuitos de qualificação profissional pela internet

O Colégio Agrícola Dom Agostinho Ikas (Codai), da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), anunciou a abertura de 2.400 vagas para 12 cursos de qualificação profissional. As atividades são gratuitas e ministradas a distância. As inscrições começam na segunda (13), pela internet.

Os cursos oferecidos são de curta duração, de no máximo dois meses, nas modalidades de formação inicial e continuada. Há oportunidades nas seguintes áreas:

  • Auxiliar de fiscalização ambiental
  • Padeiro
  • Produtor de cervejas
  • Apicultor
  • Operador de usina de compostagem
  • Açougueiro
  • Organizador de eventos
  • Cerimonialista
  • Editor de projeto visual gráfico
  • Assistente administrativo
  • Assistente de recursos humanos
  • Microempreendedor Individual (MEI)

A UFRPE informou que as inscrições vão seguir critérios. O primeiro deles é o local de residência do candidato. Quem mora em São Lourenço da Mata terá prioridade na inscrição até o dia 20 de setembro, as vagas que sobrarem serão distribuídas para o público em geral. Nesse caso, as inscrições serão realizadas entre os dias 23 e 30 de setembro.

São Paulo começa a usar Pfizer como 2ª dose da Astrazeneca

A Prefeitura de São Paulo começa a vacinar na tarde desta segunda-feira (13) as pessoas que estão com a segunda dose da AstraZeneca em atraso.

A capital recebeu do governo estadual 165 mil doses da Pfizer neste sábado (11), que serão destinadas a esse público.

Poderá se vacinar quem estiver com a dose de AstraZeneca vencida entre os dias 1 e 15 de setembro. O quantitativo, porém, não é suficiente para atender a todo o grupo.

Até segunda, de acordo com levantamento da gestão municipal, 340 mil pessoas já estarão com a segunda dose da vacina em atraso.

No final de semana, o governo de São Paulo entregou aos municípios 400 mil doses de Pfizer extras que chegaram nos últimos dias ao estado e serão remanejadas para a aplicação desta segunda dose. Os municípios também poderão aplicar vacinas da Pfizer que eventualmente tiverem em seu estoque.

A intercambialidade das vacinas da Pfizer e da AstraZeneca foi chancelada pelo Comitê Científico do Governo do estado e pelo Programa Estadual de Imunizção, que embasaram a decisão em estudos da Organização Mundial de Saúde e orientações do próprio Ministério da Saúde.

A decisão também foi aprovada em deliberação bipartite com o Conselho dos Secretario Municipais de Saúde de São Paulo (Cosems).

Na semana passada, o governador João Doria (PSDB) afirmou que que vai entrar com uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) caso não receba cerca de 1 milhão de doses da AstraZeneca que, segundo ele, estão em atraso e seriam destinadas para a aplicação da segunda dose no estado de São Paulo.

Após decisão judicial, aprovados da Adagro-PE são nomeados

Cumprindo ordem judicial, o governador Paulo Câmara (PSB) nomeou os aprovados no último concurso da Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária de Pernambuco, ligada ao Governo do Estado. A relação com os nomes dos candidatos selecionados foi divulgada no último sábado (11) no Diário Oficial.

De acordo com a publicação, a nomeação é realizada em “caráter precário” e cumpre a decisão judicial proferida no Processo nº 0074498-35.2020.8.17.2001″. Os classificados desempenharão as funções de fiscal estadual agropecuário (medicina veterinária e agronomia) e assistente de defesa agropecuária nos municípios de Garanhuns, Ouricuri, Palmares, Sanharó, Petrolina, Serra Talhada, Sertânia, Salgueiro e Recife.

Quase 20 anos depois, legistas identificam mais duas vítimas do 11 de Setembro

Na última terça-feira (7), poucos dias antes de completar 20 anos dos ataques terroristas de 11 de Setembro nos Estados Unidos, as autoridades de Nova York afirmaram que mais duas vítimas foram identificadas.

Dorothy Morgan, de Hempstead, do estado de Nova York, e um homem que não teve nome divulgado a pedido de sua família foram a 1.646ª e 1.647ª vítimas reconhecidas dos ataques ao World Trade Center, em Nova York, em 2001. A informação foi confirmada pela legista-chefe da cidade, Dra. Barbara A. Sampson.

As vítimas foram identificados através de análise de DNA de restos mortais que não foram detectados anteriormente. Os materiais genéticos foram recuperados do local do World Trade Center.

Segundo o centro legista, os restos mortais de mais de 1.100 vítimas — cerca de 40% das que morreram lá — ainda não foram identificados. Estas foram as primeiras identificações de vítimas do World Trade Center desde outubro de 2019. No total, o ataque matou 2.753 pessoas, além de mais de 220 que foram mortos em outros locais.

“Vinte anos atrás, fizemos uma promessa às famílias das vítimas do World Trade Center de fazer o que fosse necessário pelo tempo que fosse necessário para identificar seus entes queridos e, com essas duas novas identificações, continuamos a cumprir essa obrigação sagrada”, afirmou a legista-chefe.

O uso recente da tecnologia de sequenciamento de próxima geração — mais sensível do que as técnicas anteriores — ajudou nas identificações e “promete resultar em mais”, disseram as autoridades em um comunicado à imprensa.

Informações: CNN