Brasil recebe primeiro lote de vacinas contra Covid-19 para crianças

Chegaram ao Brasil, às 4h45 desta quinta-feira (13), as primeiras vacinas contra Covid-19 destinadas a crianças de 5 a 11 anos. Remessa com 1,2 milhão de doses do imunizante da Pfizer foi descarregada no Aeroporto de Viracopos, em Campinas (São Paulo).
O lote será distribuído a estados e municípios para iniciar a aplicação. A previsão é que o Brasil receba em janeiro um total de 4,3 milhões de doses da vacina. A remessa é a primeira de três que serão enviadas ao país.
Segundo o Ministério da Saúde, durante o primeiro trimestre devem chegar ao Brasil quase 20 milhões de doses pediátricas, destinadas ao público-alvo de 20,5 milhões de crianças. Em fevereiro, a previsão é que sejam entregues mais 7,2 milhões, e em março, 8,4 milhões.
Na semana passada, o ministério anunciou a inclusão dos imunizantes pediátricos no plano de operacionalização do Programa Nacional de Imunizações (PNI).
Segundo a pasta, a criança deve ir aos postos de vacinação acompanhada dos pais ou responsáveis ou levar uma autorização por escrito. O esquema vacinal será de duas doses, com intervalo de oito semanas entre as aplicações.
A distribuição será feita na proporção do percentual da população de 5 a 11 anos por estado. Pernambuco receberá 4,80% das vacinas da nova remessa.

Papa Francisco transfere Dom Magnus da Diocese Salgueiro para a Diocese de Crato/CE

O Papa Francisco nomeou, nesta quarta-feira (12), dom Magnus Henrique Lopes como novo bispo da diocese de Crato, no Ceará, transferindo-o da diocese de Salgueiro. O prelado assumirá o governo pastoral da diocese que está vacante desde a nomeação de dom Gilberto Pastana Oliveira para a arquidiocese de São Luís do Maranhão.

Dom Magnus foi ordenado diácono a 25 de março de 1996, por dom Antonio Soares Costa, na Basílica de Nossa Senhora da Penha, em Recife (PE), e ordenado presbítero em 21 de dezembro de 1996 pelo mesmo bispo, na cidade de Assu. Em 16 de junho de 2010, foi nomeado primeiro bispo da nova Diocese de Salgueiro e recebeu a ordenação episcopal em 17 de setembro do mesmo ano.

Escolheu por lema episcopal “Tudo posso naquele que me fortalece” (Fl 4,13). A posse na diocese pernambucana foi no dia 12 de outubro de 2010, na mesma Celebração Eucarística em que a diocese foi instalada, sob a presidência do então núncio apostólico no Brasil, dom Lorenzo Baldisseri.

Prefeito de Serrita faz live apresentando o balanço do primeiro ano de governo

Durante participação na live da Prefeitura de Serrita, ocorrida nesta terça-feira (11), o prefeito de Serrita, Aleudo Benedito, fez um balanço das ações e dos serviços entregues pelo Executivo em 2021 em seu primeiro ano de gestão. O secretariado também participou da retrospectiva.

A Secretaria de Saúde falou sobre os investimentos na área, a exemplo dos atendimentos da saúde bucal no município que tiveram um aumento equivalente a 400%, em comparação aos anos anteriores; destacou a atenção no combate a covid-19 e o trabalho na vacinação conta a doença. “A saúde de Serrita viveu outra realidade em 2021, uma realidade com muito mais qualidade, atendimento e investimento”, enfatizou o prefeito.

“Vivemos um momento difícil com a pandemia, mas nunca desistimos do nosso objetivo que era lutar por dias melhores para os serritenses. E assim fizemos, com muita determinação, garra, time, comprometido e planejamento”, completou Aleudo.

A Secretaria de Educação destacou a valorização de servidores da Educação, A Secretária, Socorro Sá, falou sobre a concessão dos direitos de férias, licença prêmio, quinquênio, enquadramento de servidores, que por muitos anos alguns sequer sabiam que tinham direito. Além disso, a gestão também trabalhou em prol do efetivo rateio do Fundeb 70, pagando mais de R$ 1.6 milhão aos servidores da Educação.

Que 2022 venha com muito mais certeza de que com zelo pelo erário público há um motivo a mais para que o município consolide um jeito novo de governar em favor dos bons serviços e da população”, destacou o prefeito.

(Clique aqui para assistir a retrospectiva 2021 da Prefeito de Serrita.)

Policia diz que Beatriz foi morta por ter se assustado ao ver suspeito; entenda

O suspeito Marcelo da Silva, 40, já estava preso pelo crime de estupro de vulnerável desde 2017 e, segundo o governo, confessou ser o autor da morte da menina. A identificação foi possível após o cruzamento de material de DNA do homem com o que foi recolhido na cena do crime, ainda em 2015. Segundo a SDS, o homem agiu sozinho e não mirava a vítima.

“Temos a motivação alegada se coadunando [coincidindo] com a dinâmica dos fatos que, ao haver contato do assassino com a vítima, ela teria se desesperado e por isso foi silenciada a golpes de faca”, declarou o secretário.

Provas

Marcelo da Silva tem 40 anos e vive em situação de rua. Ele nasceu em Araripina/PE e desde 2017 estava preso em Salgueiro/PE pelo crime de estupro ocorrido em Trindade/PE. Em 2019 ele teve material genético colhido para inserção no banco genético do estado, num mapeamento de todos os condenados do sistema prisional.

Em 2021, a polícia começou a monitorá-lo, junto com outros 124 condenados do sistema prisional, depois de um refinamento dos dados genéticos e melhoria do material encontrado na faca cravada no tórax de Beatriz.

No final de 2021, surgiu o primeiro indicativo que apontava o DNA de Marcelo como sendo o mesmo encontrado na faca.

“A partir dessa melhoria desse refino e sua inclusão com esse refino no banco surgiu o primeiro indicativo ainda em 2021 e, a partir desse indicativo, diversas outras análises são necessárias para comprovação. Chegamos a afirmar técnico cientificamente, de forma cabal por quatro peritos geneticistas, que, depois do primeiro indicativo e de outros exames, sempre foi confirmada aquela indicativa inicial”, explicou Humberto Freire.

Segundo o secretário Humberto Freire, ele já foi preso ao menos três vezes por estupro de vulnerável e crime contra o patrimônio.

Foi nessa ida ao fórum que a Polícia Científica coletou, mais uma vez, o material genético do suspeito e conseguiu concluir o confronto entre os materiais genéticos.

De acordo o secretário de Defesa Social, o DNA de Marcelo teve total compatibilidade com o material genético encontrado no cabo da faca encontrada no corpo de Beatriz. Depois desse exame, o suspeito passou por um depoimento em que, segundo diz a polícia, confessou o crime à força-tarefa criada para conduzir as investigações.

“Ele estava transitoriamente e entrou para conseguir dinheiro para sair da cidade. Pela narrativa, [o crime] não era direcionado a uma pessoa específica. Beatriz foi a pessoa que ele encontrou e que, diante desse exaspero, desse susto, ele acabou silenciando-a a facadas”, disse Humberto Freire.

Em 2017, a polícia divulgou imagens de um homem suspeito de ter sido o autor do crime. Segundo a SDS, trata-se de Marcelo da Silva.

O secretário afirmou, também, que o número de facadas dadas em Beatriz mudou ao longo das perícias. “O laudo tem 42 fotografias de ferimento. Mas, segundo informações, são dez facadas. São 42 fotografias, algumas dela do mesmo ferimento, o que é normal. Segundo ele, praticou e esfaqueou até silenciar”, declarou.

Pernambuco restringe público e exige teste em eventos a partir da sexta-feira (14)

Por conta do aumento de casos e solicitações de leitos para pacientes com Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag), Pernambuco terá, a partir da próxima sexta-feira (14), novas restrições no Plano de Convivência.

Entre as definições, anunciadas nesta segunda-feira (10) após reunião do Gabinete de Enfrentamento à Covid-19, estão a redução da capacidade de público nos eventos, exigência de apresentação de passaporte vacinal e testes com resultado negativo para a Covid-19. As novas medidas são válidas até o dia 31 de janeiro.

Será exigida a apresentação de passaporte vacinal para se ter acesso a serviços de alimentação, cinemas, teatros e museus. O passaporte pode ser emitido no Conecte SUS.

Já no eventos realizados no Estado, o número de frequentadores será de 50% da capacidade do espaço ou três mil pessoas, em locais abertos, e de mil pessoas, em locais fechados.

Também nos eventos, passará a ser exigido, além do passaporte vacinal – duas doses ou dose única para pessoas até 54 anos e de dose de reforço para pessoas acima de 55 anos -, a apresentação de teste negativo de covid, sendo com 24 horas de antecedência para exames de antígeno e de 48 horas para exames de RT-PCR.

De acordo com o gestor estadual, a ocupação dos leitos de terapia intensiva chegou a patamares elevados, o que motivou as restrições.