Pernambucana cede fazenda na Romênia para refugiados da guerra

A pernambucana de Petrolina Maria Thereza Coelho Cunha Bueno cedeu a fazenda onde vive com o marido alemão e filhos para receber brasileiros e demais refugiados da guerra na Ucrânia. O local fica na cidade de Siret, na Romênia, a 391 quilômetros da capital Bucareste e bem na fronteira com o país invadido pela Rússia.

Na fazenda, foi instalado um posto consular avançado para atender quem usa o território da Romênia para fugir da Ucrânia. Em entrevista, Maria Thereza explicou que ficou preocupada diante das notícias de refugiados em razão da guerra.

“A gente abriu a casa e a fazenda para receber essas pessoas que estavam atravessando. No domingo à noite, comecei a ver no jornal que tinham muitos brasileiros tentando sair. A situação é realmente dramática”, disse a pernambucana.

De acordo com Maria Thereza, eles vão montar um posto avançado dentro da fazenda. Os funcionários do Consulado ficarão hospedados na casa dela e usarão o escritório da fazenda como apoio consular para as pessoas que estão tentando atravessar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *