Prefeitura de Verdejante denuncia mulher por uso irregular de casa de apoio

Localizada na Rua da Glória, bairro Boa Vista, no centro de Recife/PE, uma casa de apoio garante o acolhimento dos munícipes de Verdejante que precisam fazer tratamento de saúde na capital.

Uma mulher, que segundo as informações, utilizou do serviço de Tratamento Fora de Domicílio para acompanhar a tia, moradora do distrito de Grossos, fez duras críticas a estrutura da casa, após fortes chuvas na cidade de Recife/PE. Na denúncia feita ao Blog Alvinho Patriota, a mulher afirmou que foi impedida de acompanhar a tia em novas viagens a Recife, por ter feito filmagens na Casa de Apoio e postado nas redes sociais.

Entretanto, houve uma reviravolta no caso. Segundo a Prefeitura, a mulher utilizou da Casa de Apoio de Verdejante irregularmente, fazendo consumo de bebidas alcoólicas no espaço interno, o que é proibido (imagem abaixo). O flagrante foi feito por que a própria mulher publicou as imagens nas suas redes sociais e, segundo a Secretaria de Saúde, foi esta a justificativa para proibi-la de ser acompanhante em futuras viagens.

O município registrou formalmente um Boletim de Ocorrência por ameaça e perturbação de sossego e disse que também irá adotar todas as medidas legais cabíveis no caso.

Quanto aos problemas da casa, a Prefeitura de Verdejante informou que notificou o locatário em janeiro deste ano e que os procedimentos para locação de uma nova casa estão em trâmite.

 

A Prefeitura se posicionou sobre o caso, confira a nota na íntegra:

NOTA DE ESCLARECIMENTO SOBRE OS FATOS OCORRIDOS NA CASA DE APOIO

Sobre a denúncia da acompanhante de uma paciente na casa do Tratamento Fora do Domicílio (TDF) de Verdejante em Recife, a Secretaria de Saúde do município repudia, e irá tomar medidas necessárias para impedir o uso de bebidas alcoólicas no ambiente.

Apesar de que existem informativos no imóvel destacando que o uso de bebidas alcoólicas é terminantemente proibido. O vídeo que circula na internet mostra claramente a acompanhante afirmando que acabou de tomar dois litros de bebidas alcoólicas.

Sobre a falta de alimentos, informamos que o município disponibiliza além da casa, alimentação. O imóvel tem uma pessoa contratada pela prefeitura, responsável por manter a casa limpa, acompanhar o estoque de alimentos e marcar as consultas dos pacientes.

Ainda, vale ressaltar, que a gravação se deu em um período de muitas chuvas na cidade do Recife, e todas as providências já foram tomadas para sanar os problemas apresentados.

Para dar melhor qualidade no tratamento dos pacientes, a Prefeitura informa que desde o início do ano vem buscando alugar outro imóvel, porém a localização dos que foram ofertados não atenderam os parâmetros ideais para fechar contrato, ficam muito distantes dos centros hospitalares.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *